“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).


11 comentários

Replantar

Mudar de casa implica, num segundo ou num vigésimo momento, mudar a casa.

Primeiro partem os objectos essenciais e, depois, os que nos alegram os dias e fazem já parte da nossa vida.

Os livros têm vindo.

As plantas também.

Muitas morreram na nossa casa pequena da Figueira.

-As casas precisam de atenção assim como as plantas; se não morrem.

Foram as palavras da minha Mãe, quando me entristeci ao ver o caril e o poejo secos nos vasos.

plantas para replantar

Trouxe todos estes vasinhos com filhotes para Estremoz.

Replantei-os.

Replantei-me.

sardinheira 1

sardinheira

Na Figueira, cobri os vasos com seixos que fomos trazendo da praia: evita-se assim a evaporação da humidade e previne-se o crescimento de ervas-daninhas.

No Alentejo, comprei esferas de argila para proteger a sardinheira.

Acompanham-me nestas tarefas as gatinhas da casa: a Beatriz e a Branca.

Deliram com estas esferas e com todos os utensílios de jardinagem.

sementes

regador e viola

Na rua, observam-nos os gatos vadios.

vaso e gato

Há qualquer coisa de felino em nós: todos os gatos parecem querer adoptar-nos.