“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).


3 comentários

Tarte Brigadeiro

Quarta-feira é dia de reunião no trabalho e é dia de lanche.

A minha vez chegou e o meu forno (novo) estava estragado.

Pensei logo numa tarte de brigadeiro que andava na minha cabeça há algum tempo. Como tenho a mania do saudável, nunca tinha concretizado a ousadia até que surgiu a oportunidade perfeita.

Tentei dar-lhe uma roupagem mais leve, mas a verdade é que não ficou propriamente light.

Tarte de brigadeiro com frutos vermelhos

Base:

-1 pacote de bolachas de aveia integrais;

-2 colheres de sopa de manteiga derretida;

-2 colheres de sopa de cacau 100%;

-um pouco de leite.

Desfazer as bolachas e misturá-las com os ingredientes.

Forrar uma base de tarte com papel vegetal e pressionar esta mistura com o fundo de um copo, para que fique bem compacta.

Guardar no frigorífico 30 minutos.

Creme:

-2 latas de leite condensado magro;

-1 tablete de chocolate negro com sabor a limão (ou a menta);

-gengibre desidratado ralado.

Cozer o leite condensado durante 5 minutos sem parar de mexer.

Aromatizar com gengibre.

Deixar derreter o chocolate e apagar depois de estar um creme homogéneo.

Colocar sobre a base e deixar solidificar no frigorífico.

Cobertura:

-300g de frutos vermelhos e 100g de açúcar.

Cozer os frutos vermelhos e juntar o açúcar e casca de limão.

Enfeitar a tarte com esta calda e com frutos vermelhos (crus).

Fiquei com vontade de experimentar outras variações desta receita base mas, por motivos óbvios, é melhor só fazê-la esporadicamente.